Visconde do Rio Branco, 17 de junho de 2019

PARCERIA COM IEF IMPULSIONA PROJETO DA PREFEITURA DE RECUPERAÇÃO DE SERRAS

9 de janeiro de 2019

PRIMEIRA REMESSA DE MUDAS E MATERIAIS ENTREGUES PELO IEF CHEGOU NO MÊS DE DEZEMBRO

A Prefeitura conquistou mais uma parceria importante para o Projeto de Recuperação das Serras de Piedade de Cima e Santa Maria, que está empreendendo desde 2018 junto a Universidade Federal de Viçosa. O reforço veio com inclusão do Instituto Estadual de Floresta (IEF) no planejamento, que está doando mais de 100 mil mudas e adubo para o reflorestamento das áreas de nascentes, além de materiais para o cercamento como mourões, arame, balancinho e grampo. A primeira remessa de produtos foi entregue no dia 20 de dezembro, e há previsão para a aplicação do projeto nas propriedades ainda em janeiro.

Para conquistar o apoio do IEF, o projeto foi analisado pelos parâmetros do Projeto Conexão Mata Atlântica do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), que propôs uma meta de reflorestamento ao IEF e subsidia as ações, com objetivo de aumento de estoque de carbono “O projeto das Serras se encaixou perfeitamente à demanda que o IEF possuía e procurava por parceiros. Não foi nada muito complexo a adequação, pois a UFV já tinha elaborado de forma muito competente o planejamento, sendo necessário apenas a apresentação de alguns documentos pelos proprietários que irão receber o investimento nas suas terras”, informou João Paulo Franco, Secretário Municipal de Agricultura e Meio Ambiente.

  O IEF apresentou uma média do investimento necessário em cada uma das três modalidades de intervenções que as propriedades irão receber: aproximadamente R$120,00 por unidade de barraginha; R$150,00 por hectare de curva de nível e, por fim, R$15mil por hectare de reflorestamento com cercamento. “Participar do Projeto de Recuperação das Serras em VRB vem ao encontro das nossas atribuições, do nosso compromisso em preservar e recuperar a cobertura vegetal da nossa área. Ainda mais com o objetivo da Prefeitura que é aumentar a produção e a qualidade da água que abastece a cidade, visto que o córrego Santa Maria e o Rio Piedade são os principais provedores. Também disponibilizamos nossos técnicos para auxiliar na aplicação do plano, com amplo conhecimento da maneira correta de fazer as barraginhas, terraço, plantio e cercamento”, disse Alberto Yasbik, Analista Ambiental do IEF.

Dez proprietários estão aptos para receber o investimento, aprovados pelo BID. “ Esse apoio do IEF veio em um excelente momento, pois a Prefeitura vai entrar com a mão de obra e parte das mudas, mas atravessamos um momento delicado nas finanças. Outro ponto positivo que está dando ânimo é o engajamento dos proprietários, que estão demonstrando interesse e se empenhando para adequar às exigências, além de assumirem a responsabilidade de cuidar das barraginhas, terraços e cercamento que a propriedade receber. A água é um bem muito precioso e estou satisfeito de ver que, a cada dia, conseguimos mais apoio para esta importante missão”, afirmou o Prefeito Iran.



9 de janeiro de 2019 - 16:30

Data da Última Modificação: 9 de janeiro de 2019 - 16:30

Comments are closed.