Visconde do Rio Branco, 08 de agosto de 2020

FISCALIZAÇÃO NOTIFICA BARES E CAMPOS DE FUTEBOL EM VRB

23 de julho de 2020

REALIZADA APÓS DENÚNCIAS, AÇÃO VISA ASSEGURAR O CUMPRIMENTO DAS NORMAS PREVISTAS NO PLANO “MINAS CONSCIENTE”

Com a mudança para a onda branca do Plano “Minas Consciente”, cujo cumprimento das normas tem sido exigido criteriosamente pelo Ministério Público, o trabalho de Fiscalização da Prefeitura foi intensificado. Após uma série de denúncias anônimas, os Agentes realizaram ações de vistoria aos endereços relatados: bares e campos de futebol. “Como temos recebido diversas mensagens e ligações sobre jogos aos finais de semana, procuramos os proprietários dos locais que, por sua vez, foram notificados e orientados sobre as medidas de prevenção ao novo coronavírus”, afirma a Médica Veterinária e Fiscal da Vigilância Sanitária, Julimara Costa, ao lembrar que os eventos esportivos encontram-se na onda roxa, ou seja, só poderão retomar após a pandemia.

Durante a operação, bares e mercearias da zona rural também foram inclusos em virtude das denúncias de aglomeração, consumo de bebida no local e comerciantes sem máscaras. “Em um primeiro momento, realizamos um trabalho de caráter educativo e, de forma geral, fomos muito bem recebidos, mas em casos de reincidência, será cobrada multa no valor de R$2 mil tanto nos referidos estabelecimentos, quanto nos campos”, afirma sobre a autuação prevista no Decreto Municipal 072/2020.

A Fiscal aproveita para solicitar o apoio de todos os cidadãos a fim de que seja possível conter o avanço da proliferação do vírus em VRB. “Vale ressaltar que as partidas de futebol são atividades coletivas cujos participantes estão em contato direto, por isso, são consideradas de alto risco para a transmissão do covid-19. Dessa forma, pedimos a colaboração dos envolvidos, assim como de vários comerciantes que não têm seguido as normas. Estamos num período muito complicado da pandemia, porém, se cada um fizer a sua parte, mais rápido vamos passar por isso”, declara.

Supervisionando as ações, quem também aproveita para pedir pela consciência coletiva é o Prefeito Iran. Segundo ele, as medidas de fiscalização tomadas há meses ainda precisam ser reforçadas constantemente por conta dos diversos tipos de negligência ocorrida. “Esse trabalho começou em março e, desde então, temos problemas com pessoas que não entenderam a gravidade da doença. São aglomerações em campos, festas particulares e em estabelecimentos que nem deveriam estar abertos. O egoísmo está tirando a vida de pessoas queridas por nós. Cabe à sociedade lembrar que o Poder Público não é capaz de vencer essa guerra sozinho”, finaliza.

 

Disque Denúncia: (32) 99928-8786



5 de agosto de 2020 - 14:38

Data da Última Modificação: 5 de agosto de 2020 - 14:38

Comments are closed.